Visita das escolas municipais de Santos ao Outeiro ganha vivência de dança breaking

A visita interativa das escolas municipais de Santos no Outeiro de Santa Catarina, que acontece às sextas-feiras, ganhou mais uma atração: a vivência de dança breaking.

Parceria entre a Fundação Arquivo e Memória de Santos (Fams) com a Secretaria de Cultura (Secult), a atividade chamada de ‘Fábrica Cultural no Outeiro’ movimentou, nesta sexta-feira (17), os alunos dos 1º, 2º e 3º anos da UME Leonardo Nunes.

Durante aproximadamente uma hora, as crianças aprenderam movimentos básicos como o pop, a wave e o robô, e participaram de uma roda de dança livre. Também ficaram sabendo que este ano o breaking vai estrear nos Jogos Olímpicos de Paris.

“Eles exercitam o corpo, o ritmo e a criatividade. É um primeiro contato com esse estilo de dança”, explica Cristiano Silva, o Cachorrão, que ministra a vivência ao lado de Ricardo Alves, o Zóio.

Ao som da música, todos entraram no ritmo, incluindo os professores. Com 6 anos, Daniel Americano participou duas vezes da roda de dança. “Gostei muito”.

A programação faz parte do estudo do meio e inclui a visita interativa com o pirata Bob Cavendish, que conta a história da fundação de Santos para os alunos da rede municipal de ensino, em uma parceria com a Secretaria de Educação (Seduc).

Escolas particulares interessadas na visitação ao Outeiro devem agendar com antecedência pelo e-mail agendamentos@fundasantos.org.br.

 

Esta iniciativa contempla o item 4 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU: Educação de Qualidade. Conheça os outros artigos dos ODS.

Ajude a manter online o Litoral Hoje fazendo uma pequena doação por PIX. Utilize a chave PIX CNPJ 45.315.952/0001-32. Ou deposite na conta: Banco Original – 212 – Agência 0001 – Conta 7296983-0. Agradecemos a sua colaboração.

Fonte: Prefeitura de Santos


Você pode gostar também de