Educação de Santos exibirá conteúdo em TV aberta a partir de 2022

A partir do próximo ano letivo, em 2022, os programas pedagógicos elaborados por professores e alunos da Rede Municipal de Santos passarão a ser transmitidos em TV aberta. O projeto, coordenado pela Secretaria de Educação (Seduc), atenderá à programação curricular de Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

O acordo de cooperação foi assinado nesta segunda-feira (29), juntamente com a Fundação Costa Norte, mantenedora da TV Cultura Litoral. De acordo com o coordenador pedagógico da Seduc, Jadir Bataglia, a expectativa é de que, no próximo ano, seja construído um estúdio, com a adaptação de uma sala no Centro de Capacitação Darci Ribeiro, e a contratação de uma produtora, que fornecerá mão de obra e equipamentos técnicos para a produção de conteúdos próprios, juntamente com alunos, professores e toda comunidade escolar.

O diretor de conteúdo da TV Cultura Litoral, Beto Zaidan, explica que, no começo da pandemia, com as crianças sendo obrigadas a ficar em casa, foi detectado que muitas famílias não tinham acesso à internet ou a dispositivos para acessar o material. Por esse motivo, o Governo Federal permitiu, por meio de decreto, que as emissoras de televisão utilizem o recurso da multiprogramação com fins exclusivamente educacionais.

“Como a televisão é o eletrodoméstico mais presente dentro das casas, com mais de 98% dos brasileiros tendo acesso a ela, transmitir as aulas por meio da TV aberta é o que a gente entende que deve ser a forma mais fácil de democratizar o acesso ao ensino”, disse Zaidan.

ASSINATURA

Para a Secretária Cristina Barletta, a assinatura do acordo é a concretização de um dos pontos fundamentais do plano da Administração Municipal. “É um projeto visto como prioridade, para que pudéssemos democratizar ainda mais os nossos conteúdos pedagógicos para nossa comunidade escolar. O trabalho deste ano todo foi para viabilizar que, já em 2022, possamos ter nossos professores e alunos como protagonistas desses programas em TV aberta, nos moldes do que já é exibido na grade de conteúdo, nos termos da Base Nacional Comum Curricular (BNCC)”.

“A assinatura é mais um passo fundamental na democratização da educação municipal. Foi um importante aprendizado que tivemos durante a pandemia. Agora, na TV aberta, poderemos também atingir aquela criança não tem acesso à internet.”, disse a prefeita em exercício, Renata Bravo.

Também estiveram presentes, na sede da Seduc, para a oficialização do termo de cooperação, o Diretor da Fundação Costa Norte, Vinícius Zeidan, o Ouvidor Municipal, Rivaldo Santos, além de técnicos da Seduc.

 

 

 

 


Fonte: Prefeitura de Santos


Você pode gostar também de