Associação de Pescadores de Angra dos Reis visita obras do Enrocamento no Rio Juqueriquerê

Caraguatatuba recebeu uma visita importante da Associação de Pescadores de Angra dos Reis, cidade litorânea do Rio de Janeiro, no último sábado (18). A intenção foi conhecer de perto o Rio Juqueriquerê e, em especial, as obras de enrocamento que são realizadas em sua foz.

#PraTodosVerem: Grupo de pescadores de Angra dos Reis conversam com representantes da Secretaria de Meio Ambiente de Caraguatatuba, (Foto: Divulgação/PMC)

A comunidade pesqueira do Rio de Janeiro tomou conhecimento da construção dos molhes em Caraguatatuba por meio das notícias na imprensa. Os pescadores identificaram semelhanças significativas entre a situação do Rio Juqueriquerê e a realidade enfrentada em Angra dos Reis, onde vivem à beira do Rio Mambucaba, no sul da cidade.

Com mais de 45 mil moradores, o bairro Mambucaba sofre com enchentes, inundações e alagamentos constantes. Os moradores apontam que a principal necessidade é investir em obras de drenagens eficientes.

Após a vista em Caraguatatuba, o presidente da associação dos pescadores de Angra dos Reis, Eduardo de Araújo Bernardo, apontou que um projeto de enrocamento na foz do Rio Mambucaba traria enormes benefícios para a população local.

Os pescadores ainda apontaram outros desafios semelhantes aos enfrentados pela comunidade do Rio Juqueriquerê antes das obras realizadas. A movimentação de areia e o fechamento constante da barra do Rio Mambucaba dificultam a navegação e impedem o desembarque do pescado, acarretando prejuízos e maiores custos operacionais.

Eduardo de Araújo Bernardo parabenizou a Prefeitura pelo empenho em levar melhorias fundamentais à comunidade pesqueira e à cidade como um todo. “Ver essa obra de perto é a realização de um sonho e fico maravilhado com o empenho da Prefeitura em proporcionar essas melhorias à população”.

Ele também destacou os benefícios ambientais e sociais. “Entendemos que essa obra, de valor imensurável, visa manter o equilíbrio ambiental, combater a poluição e degradação do ecossistema, o desassoreamento do rio para o bom escoamento das águas, promovendo também atividades de educação ambiental e turismo sustentável”, contou.

A visita foi direcionada por representantes da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, que considerou o encontro como uma oportunidade para troca de conhecimentos e esclarecimentos técnicos, além de um canal de diálogo construtivo com os pescadores visitantes.

Ajude a manter online o Litoral Hoje fazendo uma pequena doação por PIX. Utilize a chave PIX CNPJ 45.315.952/0001-32. Ou deposite na conta: Banco Original – 212 – Agência 0001 – Conta 7296983-0. Agradecemos a sua colaboração.

Fonte: Prefeitura de Caraguatatuba


Você pode gostar também de