Lula diz que foi avisado sobre operação da PF que mirou irmão em 2007

HÉLVIO ROMERO/ESTADÃO CONTEÚDO – 21/09/2017LulaEx-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) governou o país em dois mandatos presidenciais (2003 até 2006 e 2007 até 2011).

O ex-presidente Lula revelou que, em 2007, foi informado com antecedência sobre uma ação que a Polícia Federal (PF) faria na residência de seu irmão, Genival Inácio da Silva, conhecido como Vavá. A fala ocorreu durante uma entrevista a uma rádio do interior de São Paulo, Lula falava sobre a liberdade da PF para atuar durante as gestões petistas, o que acabou culminando na revelação de escândalos como o Mensalão e a Lava Jato. “No nosso governo a PF foi na casa do meu irmão, fiquei sabendo 12 horas antes, porque eu estava na Índia e tinha um fuso horário e eu falei: ‘Se a PF quer ir lá, que vá! Que investigue e depois peça desculpas’”.

As buscas citadas por Lula fazem parte de uma operação da PF denominada Cheque Mate, que visava a investigação de exploração por meio de máquinas caça-níqueis e também jogos de azar. A suspeita era de que Vavá pedia propina a empresários que participavam desse esquema. Na ocasião, a PF apreendeu documentos e telefones foram grampeados durante as investigações. Por falta de provas, o irmão de Lula acabou não sendo denunciado. Vavá faleceu em 2019, vítima de um câncer no pulmão, aos 79 anos.

Ajude a manter online o Litoral Hoje fazendo uma pequena doação por PIX. Utilize a chave PIX CNPJ 45.315.952/0001-32. Ou deposite na conta: Banco Original – 212 – Agência 0001 – Conta 7296983-0. Agradecemos a sua colaboração.

Fonte: Jovem Pan


Você pode gostar também de