Vídeo: tempestade deixa 4 mortos e causa destruição no Texas

O segundo maior Estado dos Estados Unidos, Texas, passou por uma forte tempestade nesta quinta-feira, 16. Ao menos quatro pessoas morreram depois de serem atingidas com a queda de árvores, causada por ventos de 150 km/h.

Tornado warned thunderstorm blasting Houston with high winds and intense rainfall near Wesleyan Plaza just off I-59. Check out those winds!#houwx#htx#txwx#hounews#abc13pic.twitter.com/EDgtmPoWDg

De acordo com informações da CenterPoint Energy, concessionária de eletricidade e gás natural, o temporal deixou 800 mil imóveis sem energia elétrica. Nas redes sociais, foram compartilhadas imagens que mostram os estragos da situação, com danos em linhas de transmissão e vidraças estilhaçadas nos edifícios de Houston, cidade mais populosa do Texas.

Alertas e recomendações das autoridades do Texas

No mesmo dia da tempestade, o Serviço Meteorológico dos Estados Unidos alertou para uma ameaça imediata à vida e à propriedade dos cidadãos. O anúncio foi feito mesmo com o alerta já tendo sido desativado.

This was Berry Center area in Cypress when the move came thru. #highspeedwind#floodrisk#weatherchasers#tornadopic.twitter.com/XLOFa0GN2y

A previsão para esta sexta-feira, 17, ainda inclui possibilidade de chuva intensa e granizo. As autoridades locais cancelaram as aulas nas escolas e aconselharam os moradores a ficarem em casa.

“O centro está uma bagunça”, afirmou prefeito de Houston, John Whitmire (Democratas). “Peço, por favor, que fiquem em casa.”

STORM DAMAGE: Power lines down in Cypress after severe storms came through the area Thursday afternoon. Residents in a nearby subdivision tell me their power is out after they saw sparks flying from these transmission towers during the storm. @KHOUpic.twitter.com/YohahSESmx

Juíza diz que a recuperação da tempestade pode levar semanas

A juíza do Condado de Harris, Lina Hidalgo, mencionou que as equipes ainda avaliam a extensão dos danos causado pela tempestade. Muitos bairros de Houston estão paralisados, com árvores caídas e vidros quebrados espalhados pelas ruas.

As escolas da região cancelaram as aulas para mais de 400 mil alunos e os escritórios do governo também foram fechados. As autoridades municipais solicitaram que a população evitasse o centro da cidade e permanecesse em casa, já que muitas ruas estão inundadas ou com fios de energia caídos.

“Vamos ter de falar sobre esse desastre em semanas, não em dias”, observou Hidalgo.

Na primeira semana de maio, tempestades intensas já haviam atingido o Texas. Na ocasião, inúmeros resgates em áreas alagadas foram realizados, incluindo no topo de casas inundadas.

Leia também:

Ajude a manter online o Litoral Hoje fazendo uma pequena doação por PIX. Utilize a chave PIX CNPJ 45.315.952/0001-32. Ou deposite na conta: Banco Original – 212 – Agência 0001 – Conta 7296983-0. Agradecemos a sua colaboração.

Fonte: Revista Oeste


Você pode gostar também de