Alec John Such, baixista fundador do Bon Jovi, morre aos 70 anos

O mundo da música está de luto pela perda de Alec John Such, o baixista fundador da banda de rock americana Bon Jovi, que morreu aos 70 anos.

Jon Bon Jovi foi ao Instagram compartilhar a triste notícia, escrevendo: “Estamos de coração partido ao ouvir a notícia do falecimento do nosso querido amigo Alec John Such”, disse o vocalista. “Ele era um original. Como membro fundador do Bon Jovi, Alec foi parte integrante da formação da banda… Para ser honesto, encontramos nosso caminho um para o outro através dele – Ele era um amigo de infância de Tico [Torres] e trouxe Richie [Sambora] para nos ver se apresentar. Alec sempre foi selvagem e cheio de vida. Hoje essas memórias especiais trazem um sorriso ao meu rosto e uma lágrima no meu olho. Vamos sentir muita falta dele.

A causa da morte do baixista não foi divulgada.

John Such foi introduzido com seus companheiros de banda Bon Jovi no Hall da Fama do Rock and Roll em 2018. O baixista emprestou seus talentos aos seis primeiros álbuns do Bon Jovi. A banda teve um enorme sucesso com seu terceiro álbum de 1986, Slippery When Wet, vendendo mais de 12 milhões de cópias. Seu próximo álbum New Jersey, lançado em 1988, os consolidou no alto escalão de bandas de rock com ainda mais hits.

Em 1994, John Such deixou Bon Jovi e foi substituído por Hugh McDonald, que continua sendo um membro da banda. Anos depois, John Such explicou sua motivação para terminar sua corrida com a banda. “Quando eu tinha 43 anos, comecei a me queimar”, disse o baixista em 2000. “Parecia trabalho, e eu não queria trabalhar. A razão pela qual eu entrei em uma banda para começar é porque eu não queria trabalhar.”

Alec John Such
Jim Steinfeldt/Michael Ochs Archives/Getty Images

Após sua saída do Bon Jovi, John Such dirigiu a banda 7th Heaven. Ele também é dono de uma loja de motocicletas em Nova York.

Durante a indução do HoF de 2018, John Such se reuniu com os outros membros fundadores e prestou uma homenagem ao vocalista do Bon Jovi e ao resto de seus ex-colegas.

“Quando Jon Bon Jovi me ligou e me pediu para estar em sua banda há muitos anos, logo percebi o quão sério ele era e ele teve uma visão que ele queria nos trazer, e estou muito feliz por ter feito parte dessa visão”, explicou Alec. “Esses caras são os melhores. Tivemos tantos bons momentos juntos e não estaríamos aqui se não fosse por aqueles caras. Amá-los até a morte e sempre amará.”


Ajude a manter online o Litoral Hoje fazendo uma pequena doação por PIX. Utilize a chave PIX CNPJ 45.315.952/0001-32. Ou deposite na conta: Banco Original – 212 – Agência 0001 – Conta 7296983-0. Agradecemos a sua colaboração.

Você pode gostar também de