Confira quais são os Concursos Polícias Penais previstos no 2º semestre

De acordo com informações do portal Qconcursos, existem editais que já contam com vagas autorizadas em estados como Goiás, Bahia, Paraíba e Rio de Janeiro. Destas unidades da federação, o destaque fica por conta de Goiás, que tem confirmada a oferta de 1600 vagas.

Os requisitos para os cargos podem variar conforme o estado e também o nível de escolaridade: médio e superior. Outro item que pode variar é a remuneração, que pode ter um valor inicial de até R$7 mil em algumas unidades da federação.

A Polícia Penal de Goiás anunciou a abertura de concurso com 1.600 vagas, das quais 1.280 serão destinadas a homens e 320 a mulheres. O edital está previsto para ser publicado entre junho e julho, conforme revelado pelo diretor-geral da Polícia Penal de Goiás, Josimar Pires, em entrevista exclusiva à Folha Dirigida por Qconcursos.

Para ingressar na carreira de policial penal em Goiás, é necessário ter ensino superior completo. O salário inicial é de R$5.707, podendo chegar a R$14.031 ao longo da carreira. Além da remuneração, os policiais penais têm direito a valores adicionais por serviço extraordinário. Pires destacou que, em plantões de 24 horas, a hora extra pode render até R$950, permitindo um incremento salarial mensal de até R$4.500.

Não há limite de idade para participar do concurso, mas é exigida a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria B. O Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) será o responsável pela organização e aplicação das provas.

O concurso da Polícia Penal da Bahia está em fase de preparação para ofertar 287 vagas. A Fundação Getulio Vargas (FGV) foi contratada como banca organizadora. No momento, a FGV e a Polícia Penal da Bahia estão definindo o cronograma de inscrições e provas, com a expectativa de publicação do edital no segundo semestre.

Para se candidatar à carreira de policial penal na Bahia, é necessário ter ensino médio completo. A remuneração inicial é de R$5.256, incluindo vencimento básico, gratificações e adicionais. Apesar das 287 vagas iniciais, o sindicato da categoria reivindica a convocação de pelo menos 400 aprovados para suprir a carência no sistema penitenciário.

Autorizado pelo governador João Azevêdo, o concurso da Polícia Penal da Paraíba oferecerá inicialmente 500 vagas. O secretário de Estado da Administração Penitenciária, João Alves, afirmou que os trabalhos para a publicação do edital estão em andamento, com a meta de lançar o concurso rapidamente, respeitando os prazos legais.

As vagas serão primeiramente destinadas ao novo presídio de Gurinhém, e posteriormente distribuídas conforme a necessidade de outras unidades. O cargo exige ensino médio completo e a remuneração inicial é de R$4.670,32, podendo alcançar R$7.985,90 ao longo da carreira.

Recentemente autorizado, o concurso da Polícia Penal do Rio de Janeiro disponibilizará 300 vagas imediatas, conforme anunciado em edição extra do Diário Oficial do Estado de 30 de maio. O governador Cláudio Castro informou que a lotação será nas unidades da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap RJ).

A contratação da banca organizadora e outras etapas burocráticas devem ser concluídas ainda este ano. Em vídeo divulgado nas redes sociais, Cláudio Castro destacou que a autorização do concurso faz parte das medidas do governo para 2024, oferecendo uma grande oportunidade para quem deseja ingressar no serviço público e contribuir com a Segurança Pública do estado.

Para concorrer, é necessário ter nível superior completo, com graduação em qualquer área. A remuneração inicial é de R$7.337,58, composta pelo vencimento básico de R$6.218,29 e a Gratificação de Valorização Profissional de R$1.119,29, além de adicional de insalubridade e vale-transporte.


Ajude a manter online o Litoral Hoje fazendo uma pequena doação por PIX. Utilize a chave PIX CNPJ 45.315.952/0001-32. Ou deposite na conta: Banco Original – 212 – Agência 0001 – Conta 7296983-0. Agradecemos a sua colaboração.

Fonte: Click Petróleo e Gás


Você pode gostar também de